Today: Thursday 17 June 2021 , 6:08 am


advertisment
search


Estação Bolivar

Ultima atualização 1 Month , 1 Day 2 Visualizações

Advertisement
In this page talks about ( Estação Bolivar ) It was sent to us on 17/05/2021 and was presented on 17/05/2021 and the last update on this page on 17/05/2021

Seu comentário


Coloque o código
  {{Info/Estação
nome = Bolivar
imagem = Metro de Paris - Ligne 7bis - Bolivar 02.jpg
imagem_tamanho =
imagem_legenda = Plataforma para Pré Saint-Gervais antes da renovação.
localização = Avenue Secrétan x Avenue Simon-Bolivar
uso_atual = Estação de metropolitano
coordenadas =
código = 2214
linhas = Linha 7 bis
tipo = Subterrânea
administração = RATP Metrô de Paris
niveis =
plataforma = 2
serviços =
inauguração = 15px
15px
fechamento =
reconstrução =
movimento_pas =
movimento_ano =
movimento_dia =
sentido-antes1 = Sentido Pré Saint-Gervais
sentido-depois1 = Sentido Louis Blanc
estação-antes1 = Buttes Chaumont
estação-depois1 = Jaurès
icone1 = Paris Metro 7 bis.svg
cor-caixa1 = #2CA05A
Bolivar é uma estação da linha 7 bis do Metrô de Paris, localizado no 19.º arrondissement de Paris.

Localização

A estação está localizada sob a avenue Secrétan, aproximadamente a meio caminho desta, ao sudeste da saída da avenue Simon-Bolivar.

História

A estação foi aberta em 18 de janeiro de 1911 com a lançamento do serviço do ramal Louis Blanc - Pré-Saint-Gervais da linha 7.
esquerdaminiaturadaimagemTrem MF 88 na plataforma em 2016 em direção a Louis Blanc.
Deve o seu nome à sua proximidade com a avenue Simon-Bolivar, que presta homenagem ao político Simón Bolívar, apelidado de Libertador (1783-1830), general e estadista sul-americano, principal líder da luta pela a independência da América do Sul contra a Espanha.
Durante a Primeira Guerra Mundial, a estação, bem como todas as estações mais profundas da rede, foi convertida em um abrigo antiaéreo. Durante um violento bombardeio em 11 de março de 1918« 11 mars 1918 : frappes aériennes sur Paris, aéronefs tombés dans l’Aisne », lhistoireenrafale.lunion.fr (consultado em 22 de novembro de 2018)., a população do bairro ficou em pânico: os habitantes correram para o abrigo, mas no fundo das escadas de acesso encontram portas que se abriam apenas para o exterior. As primeiras filas da multidão foram esmagadas ou sufocadas, e depois acabam pisoteadas quando as portas finalmente cederam sob pressão. O registro é particularmente pesado, mas permanece desconhecido, somando-se ao dos outros bombardeios: sessenta e seis mortes foram contadas nesse dia.
Como resultado desse drama, as portas do metropolitano foram redesenhadas posteriormente a fim de se abrirem para dentro e para foraJean Robert, Notre métro, 1967, 102..
Em 3 de dezembro de 1967, a estação foi cedida à linha 7 bis, que resultou da separação do ramal de Pré-Saint-Gervais, isolado do restante da linha 7 na forma de uma linha autônoma desde então.
A plataforma em direção a Louis Blanc possuía um pequeno empreendimento cultural homenageando Simón Bolívar através de uma biografia ilustrada, em um suporte incorporado ao pé-direito e coberto com cerâmicas finas colocadas verticalmente, em dois tons de bege sobre o suporte e branco acima. No entanto, esta decoração não foi reconduzida após a renovação da estação, operada como parte do programa "Renovação do Metrô" da RATP. As obras de modernização foram concluídas em 16 de dezembro de 2008 para os corredores e em 2009 nas plataformas .
Em 2013, ela viu entrar 646 310 passageiros, o que a coloca na 297ª posição das estações de metrô por sua frequência em 302Tráfego anual de entradas por estação (2013), no site data.ratp.fr (consultado em 31 de agosto de 2014).O número de 302 estações não inclui a estação fictícia Funicular de Montmartre. Esta última é de fato considerada como uma estação de metrô (e dois pontos de parada) pela RATP e anexada estatisticamente à linha 2, razão pela qual a RATP anuncia 303 estações e não 302..

Serviços aos passageiros

Acesso

A estação tem um acesso único que leva à esquina da avenue Secrétan e da avenue Simon-Bolivar, perto da Halle Secrétan, mercado coberto inscrito nos monumentos históricos por um decreto de 8 de março de 1982 ..
Desde 1987, a entrada da estação é ornada com uma edícula Guimard (também inscrita no título dos monumentos históricos), que se encontrava anteriormente na estação Barbès - Rochechouart ..

Plataforma

Bolivar é uma estação de configuração padrão: ela possui duas plataformas laterais separadas pelos trilhos do metrô e a abóbada é elíptica. A decoração é do estilo utilizado pela maioria das estações de metrô: as faixas de iluminação são brancas e arredondadas no estilo "Gaudin" da renovação do metrô da década de 2000, e as telhas em cerâmica brancas biseladas recobrem os pés-direitos, a abóbada, os tímpanos e as saídas dos corredores. Os quadros publicitários são em cerâmicas brancas e o nome da estação é inscrito na fonte Parisine em placas esmaltadas. Os assentos de estilo "Akiko" são de cor ciano.

Intermodalidade

A estação é servida pela linha 26 da rede de ônibus RATP.

Pontos turísticos

  • Halle Secrétan (também conhecida como Marché Secrétan)
  • Lycée Henri-Bergson
  • École et Lycée Lucien-de-Hirsch

Galeria de Fotografias


Metro de Paris - Ligne 7bis - Bolivar 09.jpg
Metro de Paris - Ligne 7bis - Bolivar 03.jpg
Metro de Paris - Ligne 7bis - Bolivar 04.jpg
Metro de Paris - Ligne 7bis - Bolivar 07.jpg

Ver também

  • Lista de estações do Metrô de Paris

  • Bolivar
     
    Comentários

    Ainda não há comentários




    visto pela última vez
    a maioria das visitas